• Home  
  •   
  • Comida  
  •   
  • História e Tradição do Bacalhau Português  

História e Tradição do Bacalhau Português

Publicado em 3 de Abril de 2019 às 09h

História do Bacalhau

Hist�ria do Bacalhau

Mundialmente apreciado, a história do bacalhau é milenar.

Existem registros de existirem fábricas para processamento do Bacalhau na Islândia e na Noruega no Século IX.

Os Vikings são considerados os pioneiros na descoberta do cod gadus morhua, espécie que era farta nos mares que navegavam.

Como não tinham sal, apenas secavam o peixe ao ar livre, até que perdesse quase a quinta parte de seu peso e endurecesse como uma tábua de madeira, para ser consumido aos pedaços nas longas viagens que faziam pelos oceanos.

Mas deve-se aos bascos, povo que habitava as duas vertentes dos Pirineus Ocidentais, do lado da Espanha e da França, o comércio do bacalhau.

Os bascos conheciam o sal e existem registros de que já no ano 1000, realizavam o comércio do bacalhau curado, salgado e seco.

Foi na costa da Espanha, portanto, que o bacalhau começou a ser salgado e depois seco nas rochas, ao ar livre, para que o peixe fosse melhor conservado.

Portugal e o “fiel amigo”

Pesca Bacalhau portugues

Devemos aos portugueses o reconhecimento por terem sido os primeiros a introduzir, na alimentação, este peixe precioso, universalmente conhecido e apreciado”.

(Auguste Escoffier, chef-de-cuisine francês, 1903).

Os portugueses descobriram o bacalhau no século XV, na época das grandes navegações.

Precisavam de produtos que não fossem perecíveis, que suportassem as longas viagens, que levavam às vezes mais de 3 meses de travessia pelo Atlântico.

Fizeram tentativas com vários peixes da costa portuguesa, mas foram encontrar o peixe ideal perto do Pólo Norte.

Foram os portugueses os primeiros a ir pescar o bacalhau na Terra Nova ( Canadá ), que foi descoberta em 1497.

Existem registros de que em 1508 o bacalhau correspondia a 10% do pescado comercializado em Portugal.

Já em 1596, no reinado de D. Manuel, se mandava cobrar o dízimo da pescaria da Terra Nova nos portos de Entre Douro e Minho.

Também pescavam o bacalhau na costa da África.

O bacalhau foi imediatamente incorporado aos hábitos alimentares e é até hoje uma de suas principais tradições.

Os portugueses se tornaram os maiores consumidores de bacalhau do mundo, chamado por eles carinhosamente de “fiel amigo”.

Este termo carinhoso dá bem uma ideia do papel do bacalhau na alimentação dos portugueses.

A Pesca do Bacalhau em Portugal

A Pesca do Bacalhau em Portugal

O bacalhau chegava a Portugal de várias formas.

Até o meio do século XX, os próprios portugueses aventuravam-se pelos perigosos mares da Terra Nova, no Canadá, para a pesca do bacalhau.

Nos finais do séc. XIX, as embarcações portuguesas enviadas à pesca do Bacalhau eram de madeira e à vela, sendo praticada a pesca à linha.

Tratava-se de uma prática muito trabalhosa, apenas rentável em regiões onde abundava o peixe.

Este tipo de pesca era praticado a partir dos dóri: pequenas embarcações de fundo chato e tabuado rincado, introduzidas em Portugal nos finais do século passado.

( Extraído de Apontamentos Etnográficos de Aveiros – Universidade de Aveiros – http://www.dlc.ua.pt/etnografia).

Nos dias atuais, Portugal importa praticamente todo o bacalhau salgado e seco que consome.

Também importa muito bacalhau “verde”, que é salgado e curado nas próprias indústrias portuguesas, como a Riberalves, localizada em Torres Vedras.

A tradição popular do bacalhau

A tradi��o popular do bacalhau

Durante muitos anos o bacalhau foi um alimento barato, sempre presente nas mesas das camadas populares.

Era comum nas casas brasileiras o bacalhau servido às sextas-feiras, dias santos e festas familiares.

Após a 2ª Guerra Mundial, com a escassez de alimentos em toda a Europa, o preço do bacalhau aumentou, restringindo o consumo popular.

Ao longo dos anos foi mudando o perfil do consumidor do bacalhau, e o consumo popular do peixe se concentrou, principalmente, nas principais festas cristãs: a Páscoa e o Natal.

Atualmente, o bacalhau está totalmente incorporado à cultura culinária brasileira.

Todos os bons restaurantes oferecem em sua carta o nobre pescado, e o bolinho de bacalhau é preferência nacional nos bares e botequins.

Como em Portugal, também desperta paixões e inspira famosos escritores.

A tradição religiosa do Bacalhau na Páscoa e no Natal

Hist�ria do Bacalhau

A Igreja Católica, na época da Idade Média, mantinha um rigoroso calendário onde os cristãos deveriam obedecer os dias de jejum, excluindo de sua dieta alimentar as carnes consideradas “quentes”.

O bacalhau era uma comida “fria” e seu consumo era incentivado pelos comerciantes nos dias de jejum.

Com isso, passou a ter forte identificação com a religiosidade e a cultura do povo português.

Conforme relatam os autores do livro “O Bacalhau na Vida e na Cultura dos Portugueses”.

Receita típica do Bacalhau a Portuguesa

Receita t�pica do Bacalhau a Portuguesa�

Ingredientes:

  • 800 g de postas de bacalhau;
  • 1,2 kg de batatas;
  • 4 cebolas;
  • 3 dentes de alho;
  • 4 ovos;
  • Azeite;
  • Vinagre;
  • Pimentão vermelho;
  • Azeitonas;
  • Salsa;
  • Sal;
  • Pimenta.

Modo de preparo

1- Ligue o forno a 200ºC.

Descasque e lave as batatas e cozinhe em água e sal.

Junte os ovos e quando a água começar a ferver deixe-os cozinhar durante 12 minutos.

Depois retire e deixe esfriar.

Escorra as batatas, descasque-as e corte em rodelas assim que estiverem prontas para o manejo.

2 – Leve ao fogo uma panela com água, junte as postas de bacalhau e deixe cozinhar.

Depois escorra, deixe amornar um pouco e retire as peles e as espinhas.

Desfie o bacalhau e reserve.

3 – Descasque e lave as cebolas e os dentes de alho, corte as cebolas em rodelas e pique os alhos.

Leve ao fogo uma panela com o azeite, deixe aquecer, junte as cebolas e os dentes de alho, tempere com sal e pimenta e deixe refogar até que a cebola fique dourada.

Retire do fogo, regue com umas gotas de vinagre e reserve.

4 – Num tabuleiro de louça ou pirex disponha alternadamente camadas de batata e de bacalhau.

Por fim, disponha o refogado da cebola e os ovos cortados em rodelas e leve ao forno até dourar.

Retire, ponha por cima tiras de pimentão vermelho e azeitonas, polvilhe com salsa e sirva a gosto.

Não se esqueça do delicioso vinho do porto e bom apetite!

FONTE: CLASSIFICADOS PORTUGAL

O Passe Digital é um site colaborativo de artigos, e seu conteúdo é de responsabilidade de seus autores. O site Passe Digital não compactua com qualquer prática ilícita, ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais. Havendo qualquer denúncia acerca dessa postagem, por favor nos informe clicando aqui.
A seguir várias soluções para seu negócio:
E-mail marketingValidação de e-mailsValidação de telefonesAtendimento via WhatsappDivulgação de produtosAnti-SPAMVárias ferramentas de marketing
Fale conoscoComo colaborarQuem somosVersão mobile
Passe Digital - um produto da LinkWS - desde 2016