• Home  
  •   
  • Tecnologia  
  •   
  • Projeto Carregador de Bateria de Chumbo Ácido  

Projeto Carregador de Bateria de Chumbo Ácido

Publicado em 14 de Setembro de 2018 às 17h

Este é um carregador debateria de chumbo ácido bem simples e eficiente, ele usa como componente principal o circuito integrado LM350K que suporta até 3 Amperes, ele é uma versão melhorada do circuito usando LM317, ou seja, com maior potência.
Este circuito eletrônico não é só um carregador, ele também e um flutuador desenvolvido para baterias chumbo ácido, mas atenção, não é recomendado o uso deste carregador em baterias seladas de Gel.

 

Carregador de bateria chumbo ácido

Lista de componentes do Carregador de Baterias

R1 Resistor 22KΩ x 1/4 Watts
R2 Resistor 120Ω x 1/4 Watts
R3 Resistor 10kΩ x 1/4 Watts
R4 Resistor 82Ω x 1/4 Watts
R5 Resistor 33KΩ x 1/4 Watts
P1 Potenciômetro ou trimpot 2.2KΩ x 1/4 Watts
C1 e C2 Capacitor Eletrolítico 10μF x 63V
D1 Diodo 1N5401
L1 LED qualquer cor
Q1 transistor BD140 ou equivalente
Q2 transistor BC547 ou equivalente
CI1 LM350K ou LM350T
O funcionamento do carregador de bateria
O funcionamento é um tanto complexo apesar do circuito ser simples. Basicamente ela é fonte regulada de precisão, e contém um sensor de temperatura com um coeficiente de temperatura negativa. Ou seja, sempre que a temperatura circundante aumenta a tensão da bateria irá diminuir automaticamente.
O sensor de temperatura é o transistor Q1, um BD140, e o coeficiente de temperatura para este circuito é -8mV por grau Celcius. A tensão de saída é ajustada de 13,5 Volts a 14,5 Volts através do resistor variável R6.
Já o transistor Q2, um BC548, tem a função de evitar a descarga da bateria através de R2 se o carregador não estiver energizado.
Já o valor da resistência R4 pode ser ajustada para um melhor desempenho dependendo das necessidades, de uma carga rápida ou de uma bateria de maior corrente.
A função do diodo D1, 1N5401, é evitar o retorno da bateria para a fonte, ele deve ter uma corrente de no minimo 3 ampères e uma tensão de 100 Volts. O ideal é usar diodos com o minimo de queda de tensão, tipo diodo schottky.

 

O LM350 vai tentar manter sempre uma tensão de 1,25Volts entre os pinos de saída (Vout)  e ajuste (ADJ), com isso a um fluxo de corrente constante através R2, já R3, R5 e R6 controlam a base de Q1.

O transistor Q1 é aquecido pelo seu próprio consumo de corrente e deve ser usado um bom dissipador de calor.

O Passe Digital é um site colaborativo de artigos, e seu conteúdo é de responsabilidade de seus autores. O site Passe Digital não compactua com qualquer prática ilícita, ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais. Havendo qualquer denúncia acerca dessa postagem, por favor nos informe clicando aqui.
Fale conoscoComo colaborarQuem somosVersão mobile
Passe Digital - um produto da LinkWS - desde 2016