• Home  
  •   
  • Comida  
  •   
  • 4 melhores receitas de fermento caseiro para pães e bolos  

4 melhores receitas de fermento caseiro para pães e bolos

Publicado em 19 de Março de 2019 às 10h

1. Fermentação natural para pão
 

Utilizar vidro esterilizado e com tampa.
A cada dia, após a mistura de água e farinha, tampar o vidro, apenas deixando a tampa sobre ele, sem fechar completamente ou cobrir o vidro com filme plástico e fazer 3 ou 4 furos pequenos com palito.
Misturar com um palito longo (hashi), é mais eficiente deixando a mistura sem grumos.
Deixar o vidro num local onde não pegue sol nem vento (num lugar onde não atrapalhe, mas que esteja à vista).
Usar marcadores para marcar o nível do fermento e data e hora da mistura.

Passo-a-passo:

 

Primeiro dia: para 30 g (30 ml ou aproximadamente 2 colheres de sopa) de água filtrada ou mineral dentro do pote, junte 15 g (2 colheres de sopa) de farinha de trigo. Misture bem (ficará uma mistura rala).
Segundo dia: sem nenhum tipo de adição, mexer várias vezes por dia.
Terceiro dia: 30 g (30 ml ou 2 colheres de sopa, aproximadamente) de água filtrada ou mineral e 30 g (4 colheres de sopa) de farinha de trigo branca. Mexer vigorosamente.
Quarto dia: 15 g (15 ml ou 1 colher de sopa) de água filtrada ou mineral e 30 g (4 colheres de sopa) de farinha de trigo. Mexer bem e, quando se lembrar, mexer mais algumas vezes no decorrer do dia.
Quinto dia: 30 g de água (30 ml ou 2 colheres de sopa) e 30 g de farinha de trigo (4 colheres de sopa, aproximadamente).
Depois deste dia, a mistura deve iniciar o processo de fermentação. Caso isso não ocorra, continue alimentando igual ao quinto dia, até que o fermento dobre de volume.
Depois do fermento pronto:


 
Separar 30 g e guardar na geladeira por até 10 dias, deixando em “dormência”.
Depois de 10 dias, se não for fazer pão, deverá fazer o processo de “refresca”, ou seja, alimentá-lo novamente.
Se for apenas para guardá-lo novamente, usar pequenas quantidades de farinha e água, por exemplo, 2 colheres (sopa) de farinha e 1 colher de água. Misturar bem e deixar em “repouso” por cerca de 4 horas coberto apenas com o filme plástico com pequenos furos. Depois das bolhas estarem ativas, separar 30 gramas e guardar na geladeira em vidro tampado, não se esquecendo de colocar a data.
O restante você poderá doar ou descartar, a “refresca” é necessária para seu fermento continuar sempre em atividade.

2. Fermento caseiro
 

Ingredientes:

  • 4 colheres (sopa) de farinha branca
  • 4 colheres (sopa) de açúcar refinado
  • 1 colher (chá) de sal
  • 3 xícaras (chá) de água


Preparo: misture o açúcar, a farinha e o sal em uma vasilha. Depois, acrescente a água. Na mesma vasilha, deixe a mistura descansar por dois dias. Não tampe. Para afastar insetos, cubra com um pano neutro. Neste período, a cada cinco horas, mexa a mistura com uma colher de pau. Está pronto!

Tempo de Preparo: 48 horas / Grau de Dificuldade: fácil

3. Fermento caseiro
 

Passo-a-passo:

 

Primeiro dia: separar 100 g de farinha integral e 100g de água. Misturar com uma colher de plástico e colocar o fermento dentro de um pote de vidro, tampado com um paninho.
Segundo dia: separar 100 g do fermento (o restante descartar). Adicionar então 50 g de farinha integral e 50 g de água, misturando com uma colher de plástico. Colocar novamente no pote.
Do terceiro ao décimo dia: separar 100 g do fermento (o restante descartar), adicionando a ele 50 g de farinha integral e 50 g de água. Misturar tudo com uma colher de plástico e colocar novamente no pote.
Orientações:



Verificar, sempre que possível, se cresceu o fermento dentro do pote. A regra é “sempre que o fermento aumentar de volume, fazer o descarte da metade e alimentar o fermento (50g de água e 50g de farinha)”.
O fermento poderá ficar pronto antes do décimo dia (no calor) ou um pouco depois (no frio). Quando estiver pronto, deve ser guardado na geladeira e, duas vezes por semana, deve-se usar a metade ou descartá-la e alimentar novamente o fermento.

4. Fermento caseiro para bolo
 

Ingredientes:

 

  • 1/2 colher (chá) de cremor tártaro (é um subproduto da produção de vinho, pode ser encontrado em supermercados, junto aos temperos desidratados);
  • 1/4 de colher (chá) de bicarbonato de sódio.

Preparo: misturar o cremor tártaro e o bicarbonato de sódio em um recipiente. Utilizar normalmente em receitas que indiquem o fermento químico.

O Passe Digital é um site colaborativo de artigos, e seu conteúdo é de responsabilidade de seus autores. O site Passe Digital não compactua com qualquer prática ilícita, ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais. Havendo qualquer denúncia acerca dessa postagem, por favor nos informe clicando aqui.
A seguir várias soluções para seu negócio:
E-mail marketingValidação de e-mailsValidação de telefonesAtendimento via WhatsappDivulgação de produtosAnti-SPAMVárias ferramentas de marketing
Fale conoscoComo colaborarQuem somosVersão mobile
Passe Digital - um produto da LinkWS - desde 2016