• Home  
  •   
  • Curiosidades  
  •   
  • Empregada humilde é assediada por patroa que ameaça demiti-la.  

Empregada humilde é assediada por patroa que ameaça demiti-la.

Publicado em 12 de Setembro de 2017 às 11h

Minha amiga não sabe o que fazer e deseja a opinião de vocês. Minha amiga tem 18 anos e recebeu o convite de uma conhecida da sua mãe pra trabalhar em sua casa afim de pagar a faculdade. É uma advogada independente de 35 anos que mora sozinha. Minha amiga aceitou pois seria uma grande oportunidade pra ela fazer o curso de direito e subir na vida.
No inicio tudo aconteceu normalmente minha amiga fazia os trabalhos domésticos durante o dia. E estudava a noite.
Mas com o passar do tempo a patroa dela foi ficando cada vez mais intima e generosa. Presenteando minha amiga com roupas finas, levando ela pra comer em restaurantes finos. Acostumando ela com uma vida que nunca teve.
Com o passar do tempo a relação foi ficando um pouco estranha. A patroa dela gostava muito de tocar na minha amiga. Abraçava ela por traz enquanto estava na cozinha. Beijava o seu pescoço. No inicio minha amiga achou que era carência pois sua patroa vivia sozinha e foi deixando.
Depois de algum tempo a patroa dela começou a andar de lingerie pela casa. Deixando minha amiga com vergonha. Mas nada podia falar. Pois ela era só a empregada e a casa não era dela. Como precisava muito do emprego e queria terminar a faculdade foi deixando.
Um dia quando minha amiga estava no banho. A patroa dela chegou em casa e foi entrando no banheiro com a maior naturalidade. tirou a roupa. E perguntou se minha amiga não se incomodaria de tomar banho junto com ela. Minha amiga ficou sem graça e ao mesmo tempo com medo de dizer não. E começaram a tomar banho juntas. A patroa dela então pediu que esfregasse as suas costas. Minha amiga achou estranho mas obdeceu. E assim lavou as costas o pescoço os braços. A patroa dela disse que estava muito gostoso e queria mais. Minha amiga ficou sem ação. O coração disparou. Queria sair fugindo dali. Mas pensou em tudo o que poderia perder. Respirou fundo e continuou. Fazendo muita espuma nas mãos tocou os seios da sua patroa. lavando lentamente. No inicio achou estranho mas com o tempo passou a gostar. E a patroa dela também começou a massagear os seios da minha amiga. E as duas ficaram ali se tocando,massageando, acariciando. tocaram os seios, a barriga e finalmente o sexo. Depois sairam do banho e agiram como se nada tivesse acontecido. Mais a noite. A patroa da minha amiga disse que não havia necessidade dela dormir no quartinho de empregada e se ela quisesse poderiam dividir a cama de casal. E assim conversar mais durante a noite. Com medo de perder o emprego minha amiga aceitou. E passaram a noite juntas, conversando e depois dormindo abraçadinhas de conchinha. As vezes minha amiga sentia a mão da patroa dela acariciando seus seios e o seu sexo. Ela fingia estar dormindo pois tinha medo de que aquilo fosse longe demais. Minha amiga é evangélica, sempre sonhou em casar com um homem e ter uma família. O que ela deve fazer jogar todos os seus sonhos fora e sair de lá. Ou continuar com essa amizade diferente. Diz ai o que vocês acham.

O Passe Digital é um site colaborativo de artigos, e seu conteúdo é de responsabilidade de seus autores. O site Passe Digital não compactua com qualquer prática ilícita, ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais. Havendo qualquer denúncia acerca dessa postagem, por favor nos informe clicando aqui.
Fale conoscoComo colaborarQuem somosVersão mobile
Passe Digital - um produto da LinkWS - desde 2016